Integrei minha loja ao marketplace: e agora

January 06, 2017
Equipe Skyhub

integrei-minha-loja-ao-marketplace-e-agora

Você tomou a decisão de integrar sua loja no marketplace e, após uma boa escolha do canal que iria atuar como parceiro, conseguiu realizar seu cadastro, ser aprovado e finalizar a integração de seus produtos ao site da loja. Estes passos são fundamentais, mas sabemos que as coisas começam (e não terminam) por aqui.

Vender nos marketplaces envolve uma boa dose de atenção ao negócio, já que o seller é responsável por analisar pedidos, despachá-los na hora certa, gerir frete, estoque, controlar preços e buscar mecanismos para tornar a oferta mais atraente e relevante.

Para te ajudar nisso, a SkyHub separou alguns aspectos que você deverá analisar após integrar sua loja no marketplace.

Acompanhe pedidos

Se você já integrou sua loja no marketplace é hora de acompanhar pedidos de todos os canais, incluindo o e-commerce que você mantém. Um ponto importante é que você precisará ter visibilidade de todas as etapas e os status de cada pedido para não perder o timing de envio. Lembre-se que o pedido deverá ser postado tão logo ocorra a aprovação do pagamento do cliente pelos sistemas antifraude, instituições financeiras, operadoras de cartão de crédito, etc. Essa é a hora de mostrar que você leva a sério a relação com seu cliente.

Analise os resultados

À medida em que os clientes começam a aparecer é fundamental controlar seus resultados, tanto em número de pedidos, quanto em receita tendo uma percepção geral aa performance em vendas por canal. A análise de resultados irá mostrar se suas estratégias estão eficientes e se seus esforços e direcionamento estão corretos. Caso as métricas estejam abaixo do esperado em algum canal, é o momento de analisar o que não está funcionando e colocar a casa em ordem. Se for o caso, mantenha apenas os canais nos quais seu retorno é garantido.

Integre-se a novos canais

Se você já está recebendo pedidos e conquistando resultados com as vendas de sua loja no marketplace, mas está presente em apenas um canal, é hora de analisar se vale a pena expandir sua atuação e aumentar as oportunidades de negócio. Escolha players semelhantes ao seu perfil de negócio e solicite seu cadastro. Na hora de integrar, escolha como fará a inserção de seus produtos: se de forma manual ou com uso de um software integrador. Se for o segundo caso, você poderá até mesmo solicitar que a empresa escolhida ajude na aprovação de seu cadastro junto aos demais sites que ela tem parceria.

Melhore seus preços

Monitorar o preço dos seus produtos no marketplace é possível caso você utilize uma plataforma de inteligência. Estas ferramentas podem trazer informações sobre quantos de seus itens estão no posto de oferta principal (buy box), em quantos você é exclusivo e para quantos você está perdendo ou ganhando pelo preço. As informações podem ser relevantes para você estudar momentos oportunos de aumentar sua margem (quando é exclusivo, por exemplo) ou quando diminuí-la para disputar a buy box (quando você está perdendo pelo preço e tem como diminuir um pouco a margem, por exemplo).

Melhore a divulgação do produto

Analise se as descrições do produto estão corretas e completas; se as imagens são de boa qualidade, destacam bem o produto, possibilitam zoom, entre outras. Você pode explorar a divulgação pensando na experiência do seu cliente e buscando melhorias contínuas que mostrem todo o valor agregado na compra do produto. Além disso, aproveite para otimizar o texto de forma que o produto seja facilmente encontrado nos buscadores quando o cliente procurar pelo item nesses locais.

Anuncie nos Ads

A novidade é disponibilizada nos canais do B2W Marketplace (B2W Ads), pela CNova (CNova Ads) e pelo Mercado Livre (Mercado Livre Publicidade) e é uma forma relevante de aumentar a exposição de seus produtos. Esses canais oferecem um sistema de anúncios pagos que podem ser ativados para destacar mais o produto nas lojas. Na B2W e no Mercado Livre os anúncios são baseados em CPC (Custo por Clique) e, no primeiro caso, funciona em um sistema de créditos. O seller desse canal pode direcionar parte do lucro para as campanhas, se assim desejar. Já a CNova trabalha com um modelo baseado em CPM (Custo por Mil Visualizações).

Profissionalize a gestão

Conforme sua receita aumenta, é fundamental que sua estrutura seja aperfeiçoada para acompanhar seu crescimento, por isso, se você não entrou no marketplace usando uma integradora, esse pode ser o momento ideal para avaliar o uso de um esses softwares. A gestão integrada permite que você tenha visibilidade de todos os seus pedidos, estoque dos produtos e resultados em todos os canais de atuação. Isso significa que mesmo que os números cresçam, significativamente, você poderá analisar tudo em uma única plataforma que dá suporte ao seu crescimento.

Estas são algumas ações que você poderá tomar após integrar sua loja no marketplace para explorar melhor esses canais de venda. São dicas que te ajudam a expandir seu negócio de forma que você possa acompanhar toda a dinâmica de seus canais de venda e alavancar resultados em outros novos.


No comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *