Logística reversa: saiba como melhorar a operação do seu site

maio 08, 2019
Equipe Skyhub

Originalmente a logística reversa era utilizada por empresas preocupadas com o descarte correto de seus produtos após o uso. Um dos exemplos mais comuns são as garrafas retornáveis de refrigerante, ou seja, basicamente a empresa divide com o consumidor a responsabilidade de garantir que os resíduos voltem a sua origem. Isso garante que sejam corretamente descartados, reciclados ou reutilizados.

Ultimamente, a logística reversa ganhou um novo significado e tem sido bastante utilizada em operações de e-commerces, surtindo efeitos positivos. Isso porque ela agiliza o processo de devolução de produtos.

logistica reversa

Logística reversa no e-commerce

No e-commerce, a logística reversa é essencial para o sucesso dos negócios. Ela pode ser definida como o processo em que o produto volta, do cliente até você, quando não é utilizado ou pouco utilizado.

Hoje em dia, para tornar o processo de devolução o mais simples possível, muitos e-commerces procuram empresas parceiras que cuidam destas operações.

O fato é que as pessoas não devolvem produtos por acaso, porque é uma situação chata e, por vezes, burocrática. Por isso, o seu objetivo deve ser tornar toda essa experiência a melhor possível.

Lembre-se! Para fidelizar o cliente é necessário possuir um processo de compra prático, assim como um processo de devolução eficaz.

Em quais casos a logística reversa é necessária?

Agora você já entende o que é logística reversa e como ela funciona. Mas você sabe quando ela é utilizada? Entre os principais casos, estão:

  • Cancelamento ou arrependimento de compra;
  • Produto extraviado ou com destinatário errado;
  • Não há ninguém no local para receber;
  • Produto danificado ou com defeito;
  • Embalagem violada;
  • Mercadoria em quantidade incorreta.

É importante evitar ao máximo que o consumidor devolva os produtos e, para que isso aconteça com cada vez menos frequência, confira algumas dicas aqui.

Como realizar uma logística reversa eficaz?

A primeira coisa que você deve fazer é explicar ao cliente como funciona a política da empresa. Deixe claro os prazos, o que ele precisará fazer para devolver a mercadoria e os canais de atendimento que podem orientá-lo no processo.

Outra dica é pedir para que o cliente confirme o endereço de entrega antes de efetuar a compra. Você pode fazer isso pela própria plataforma de venda.

Ofereça também um formulário para que o consumidor descreva seus dados, como nome, endereço, número e motivo da troca para facilitar a identificação na hora em que o produto voltar para você, bem como utilizar as etiquetas de identificação na hora do envio.

Agora você já sabe como realizar o processo de logística reversa, mas continue acompanhando nossas dicas para que suas vendas cresçam cada vez mais. Boa sorte!


No comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *